Páginas

quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Sou de você antes de mim mesmo,
Sou dos teus abraços e afagos,
Sou das tuas noites fritas,
Sou a solução da tua tristeza,
Sou o verso do que falta na sua poesia,
Sou de você todo o sonho do mundo,
Sou teu em toda escrita e saudade,
Sou de ontem e viverei pela eternidade,
Somos de um tempo que não existe mais,
Sou de você até onde não saber mais,
Somos a essência do amor em nós,
Sou tem em cada segundo sozinho,
Sou teu nos meus devaneios,
Somos um universo de sensações,
Somos de tudo que pudermos,
Seremos sempre, nós, em nós!

quinta-feira, 3 de agosto de 2017

No interior do meu coração.

Olá mocinha,
Não ligue pra essa valsinha,
Sei que sou meio falante,
Mas não se importe tanto...

Sem querer, foi entrando,
Revirando a casa desarrumada,
No (meu) interior me encontrou,
Onde nem eu mais sabia...

A vida e suas surpresas,
Cada dia novas oportunidades,
E a gratidão por poder recomeçar,
De mim, essa sensação de desbravar...

Seguindo com fé e saudade,
De contar os minutos a sua espera,
Dessa nossa empatia de repente,
Esse negócio do ''santo bater'' (risos)...

Não sei o que vai ser,
Só sei que quero você aqui,
Regue comigo este jardim,
Sem pressa, mas cuide comigo...

Porque o amanhã não sabemos,
O hoje é nossa eternidade,
Sempre tudo (em nós) se renovando,
E a cada ''Oi'' seu, sou toda alegria do mundo.

Obrigado. :)